FANDOM


Outro Pai
Otherpai.png

Idade:

40 anos

Casa:

Pink Palace Apartments

Gênero

masculino

Espécie

Boneco

Família

A Outra Mãe (esposa)
Coraline Jones (filha)

Ocupação

Servo da Outra Mãe

Criado pela Outra Mãe, o Outro Pai foi usado para tentar ajudar no truque para que Coraline ficasse no "outro mundo". Mas é revelado que ele está realmente do lado de Coraline.

Livro Editar

O Outro Pai é o "marido" da Outro Mãe. Ele é idêntico ao Charlie Jones, o verdadeiro pai de Coraline, exceto pelo fato de que ele tem olhos de botão, toca piano, é sempre alegre (quase) e passa o tempo com Coraline. De acordo com Coraline, ele é mais divertido e atento às suas necessidades do que seu verdadeiro pai. Ele é colocado no porão do apartamento vazio, quando ele informa a Coraline muito sobre os planos da Outro Mãe, para manter Coraline em seu mundo para sempre. Ele é muito bom e não é chato no começo, mas é revelado, para ter medo da Outra Mãe, que quer ferir Coraline, o que ele não quer fazer. Quando a outra mãe tem o controle completo sobre ele, ela o obrigou a atacar Coraline, mas Coraline puxa seus olhos de botão, cegando-o. Enquanto o Outro Pai ainda estava olhando para ela, Coraline tentou fugir silenciosamente, mas fez muito barulho, o que entregou ao Outro Pai de onde estava.

Mas Coraline conseguiu sair do porão e prender o Outro Pai lá para sempre. 

FilmeEditar

No filme, ele aparece idêntico ao verdadeiro pai de Coraline. Sabe tocar piano, mas para tocar peças complexas, ele precisa de suas mãos mecânicas. É sugerido ao longo do filme que ele está com medo da outra mãe, fazendo o que ela diz e obedecendo a cada comando seu. Mais tarde no filme, o Outro Pai se transforma em um ser humano abóbora (isto foi sugerido quando a Outra Mãe disse que estava tão faminta como uma abóbora), com o rosto em uma careta permanente com uma voz semelhante a um monstro e mal capaz de falar. Este foi, aparentemente, o seu castigo por dizer coisas a Coraline, demais. Quando Coraline sai para encontrar os olhos dos fantasmas, o Outro Pai  tenta ataca-la, com a sua máquina de jardinagem mecânica no jardim.  
The other father.jpg

Curiosamente, neste momento no filme, vemos que o Outro Pai realmente não queria prejudicar Coraline (afirmando isso da forma como ele a ataca) sendo forçado pela outra mãe, através das mãos mecânicas ligadas as suas. Ele conhece o seu fim depois que ele destrói a ponte que conduz ao jardim e cai com ele na água, ele libera sua mão, quebrando a mão mecânica, e entrega a Coraline o primeiro olho, (que na verdade foi disfarçado como a parte superior da alavanca da máquina), ele acidentalmente desliza através da abertura que ele fez da ponte, e cai na água.

RelacionamentosEditar

Quando Coraline encontra pela primeira vez os outros pais, parece como se o outro pai e outra mãe tenham um relacionamento amoroso. Eles se comportam com afeto a um outro, provocam-se mutuamente, de mãos dadas, e até mesmo paqueram (o Outro Pai em um ponto provoca complementando o excelente frango que a mamão assou para o jantar, e a outra mãe devolve-lhe com um sorriso coquete). 
Other father.jpg

No entanto, como o Outro Mundo revela suas verdadeiras cores, torna-se claro que o Outro Pai tem pavor da outra mãe, que o criou como uma ferramenta para conquistar Coraline. O seu comportamento "carinhoso" foi um oposto deliberada das brigas gorsseiras frequentes dos pais verdadeiros de Coraline, apenas uma outra parte da ilusão de uma família amorosa que a outra mãe girou para sugar Coraline. Quando ele trai a Outra Mãe para ajudar a Coraline, tentando avisá-la do perigo que ela está correndo, a outra mãe refaz sem um lampejo de remorso, transformando-o em uma abóbora-criatura horrível, mal capaz de falar.

O Outro Pai é realmente do lado de Coraline, e não quer magoá-la, mas ele é forçado pela outra mãe.Também é notável que ao longo de sua música no piano, ele está subliminarmente tentando avisá-la dos perigos do outro mundo (por exemplo, os nossos olhos estarão em Coraline). No filme, a criatura torturada, ferido, mas ainda tipo compensa tentando machucar Coraline e consegue dar a Coraline o olho fantasma em cima da hora, antes que ele caia na água no jardim. Ele é ouvido dizendo enquanto estava atacando Coraline : "Desculpe", "Sinto muito, sua mãe está me obrigando" ,"Eu não quero fazer mau a você", Fique com isso. Provando que ele estava do seu lado. 

CitaçõesEditar

Coraline:  Olá?

Outro Pai: Olá Coraline, fiz uma canção, quer ouvir?

Coraline: O meu pai não sabe tocar piano. 

Outro Pai: Não é necessário, é esse piano que me toca! 

Outro Pai: Esta é uma canção sobre a Coraline,

Ela é, ela é, uma bo- uma bonequinha, 

A beleza de um botão nos olhos tem,

Como todos que olharem muito bem, 

Pra Coraline...

Quando chega explorando,

A mamãe e eu já vamos animanrdo, 

Com os nossos olhos na Coraline...! 

Curiosidade Editar

.Ele e Wybie são os unicos que a outra mãe não pode controlar.Assista ao vídeo completo:

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória